Quarta, 31 Janeiro 2018 22:02

Seria mais um Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Circulou na net, a provável candidatura do vitorioso publicitário, o baianíssimo Nizan Guanaes para deputado federal.
Não durou nem dois dias e o baiano teve que mudar de ideia. Sua mulher deu "última forma". Vetou.

Nada contra esse cara retado do qual me confesso admirador. Um ex-discípulo aplicado de Duda Mendonça, que evoluiu ao ponto de um dia se tornar sócio do mesmo e mais tarde adquirir a agência do ex-patrão. Daí não parou mais de crescer.
O certo é que se ele chegasse lá no circo de Brasília seria apenas mais um. Não faria nenhuma diferença. Ou alguém pensa que pelo fato de ser baiano e genial seria também um exemplo diferenciado dos demais, ou para os demais? Nada disso.

A verdade é que como todo povo brasileiro estou literalmente desencantado não com a política, mas com o que os políticos fizeram e fazem dela. O que me leva a pensar assim, é o fato de ser muito difícil acreditar que se Nizan chegasse ao Congresso seria como um novo "Messias", de gravata é claro, montado num "jumento" da Honda, Hyundai, Chrysler, Mercedes, ou BMW, pra pregar a ética, a honestidade e que iria conseguir modificar o comportamento daquele antro de viciados em maracutaias.

Uma coisa é certa: Ele não teria no final do seu mandato o mesmo destino triste do verdadeiro Galileu, o que de certa forma seria até uma honra. Mas como o seu pai é de carne e osso, com certeza ele não iria querer vivenciar essa experiência porque tem juízo, e sabe que jamais ressuscitaria.
A decisão de sua mulher foi sábia, amigo. Permaneças onde estás. Continuarás muito mais feliz, sem tentações, e vencedor.

Max Matos, dizendo tudo.

Ler 27 vezes Última modificação em Quarta, 31 Janeiro 2018 22:36

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

banner 300x90px

ssa360 centro convencoes 300x250