Quarta, 20 Dezembro 2017 00:28

A verdadeira festa em família

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

(Publicado no Jornal A Tarde em Dezembro de 2016).

"NATAL é a festa mais linda e mais marcante pra mim. Viajo no tempo! Parece até que estive lá em Belém, que fui testemunha do nascimento do menino Jesus junto com os três Reis magos.

Por isso, adoro apreciar as decorações e ouvir no dia apenas músicas natalinas. Só lamento ser de todas a festa mais curta.
Isto porque, enquanto a festa de SÃO JOÃO começa um mês antes com músicas, forrós e fogos que duram até São Pedro, o CARNAVAL três meses antes, que entra pela quarta-feira de cinzas, e se prolonga até o São João com micaretas, shows e as tais "ressacas", a noite de Natal dura no máximo seis horas. Já observaram? E ainda é maculada com músicas comuns? Bateu a meia noite já é 25, o verdadeiro Dia, mas as pessoas relaxam, o sono bate, o clima da festa diminue. E ao amanhecer é um feriado como outro qualquer, com praia, barzinhos, barracas, samba, pagode, arrocha, sertanejo, e a cachaçada dominando já em clima de carnaval. O Natal, é esquecido como se tivesse acontecido há um ano.

Tentando reverter essa triste realidade, consegui uma vez reunir toda a família e realizamos duas Ceias em casas e dias diferentes, 22 e 24, apenas pra alongar este sagrado momento mesmo deturpado com essa cultura moderna, quando não mais se sentam todos na mesma mesa e sim com esse abominável hábito de cada qual em pé com seu prato na mão, na sala, na varanda, no jardim, ou à beira da piscina, num vozeiral danado, onde o foco principal é a troca de presentes do famigerado Amigo Secreto. Além da TV ligada pois ninguém quer perder o capítulo da novela.
Sem falar na atenção mal educada e individualista dispensada ao WhatsApp.

E assim o Natal deixou de ser um momento de reflexão, transformando-se em uma farra qualquer. E o principal aniversariante do dia, nem é lembrado.
Amo a festa de Natal e me emociono sempre com ela.
Sinto não poder mudá-la como era no meu tempo de criança e adolescente. Bem diferente de hoje". É uma pena!

Max Matos, (lamentavelmente), dizendo tudo.

Ler 68 vezes Última modificação em Quarta, 20 Dezembro 2017 03:10

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

banner 300x90px

ssa360 centro convencoes 300x250